MILTON NASCIMENTO


Roupa Nova Lyrics

Todos os dias, toda manhã
Sorriso aberto e roupa nova
Passarinho preto de terno branco
Pinduca vai esperar o trem

Todos os dias, toda manhã
Ele sozinho na plataforma
Ouve o apito, sente a fumaça
E vê chegar o amigo trem

Que acontece que nunca parou
Nessa cidade de fim de mundo
E quem viaja pra capital
Não tem olhar para o braço que acenou

O gesto humano fica no ar
O abandono fica maior
E lá na curva desaparece a sua fé

Homem que é homem não perde a esperança, não
Ele vai parar
Quem é teimoso não sonha outro sonho, não
Qualquer dia ele pára

E assim Pinduca toda manhã
Sorriso aberto e roupa nova
Passarinho preto de terno branco
Vem a renovar a sua fé

Quem é teimoso não sonha outro sonho, não
Qualquer dia ele pára

E assim Pinduca toda manhã
Sorriso aberto e roupa nova
Passarinho preto de terno branco
Vem a renovar a sua fé

Correct these lyrics

Watch Milton Nascimento Roupa Nova video
Hottest Lyrics with Videos
711de7c71f01b61cfc8869419c4daf3a

check amazon for Roupa Nova mp3 download
these lyrics are submitted by musixmatch2

Songwriter(s): Fernando Rocha Brant, Milton Silva Campos Do Nascimento
Publisher(s): Tres Pontas Edicoes Musicais Ltd., Nascimento Edicoes Musicais Ltda
Record Label(s): 1980 Universal Music Ltda
Official lyrics by

Rate Roupa Nova by Milton Nascimento (current rating: N/A)
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Meaning to "Roupa Nova" song lyrics no entries yet
required
capthca required

Characters count
: min. 50 characters