MILTON NASCIMENTO


Os Povos Lyrics

Na beira do mundo
Portão de ferro, aldeia morta, multidão
Meu povo, meu povo
Não quis saber do que é novo, nunca mais
Eh, minha cidade
Aldeia morta, anel de ouro, meu amor
Na beira da vida
A gente torna a se encontrar só
Casa iluminada
Portão de ferro, cadeado, coraç�£o
E eu reconquistado
Vou passeando, passeando e morrer
Perto de seus olhos
Anel de ouro, aniversário, meu amor
Em minha cidade
A gente aprende a viver só
Ah, um dia, qualquer dia de calor
Ã^ sempre mais um dia de lembrar
A cordilheira de sonhos
Que a noite apagou
Eh, minha cidade
Portão de ouro, aldeia morta, solidão
Meu povo, meu povo
Aldeia morta, cadeado, cora�o
E eu reconquistado
Vou caminhando, caminhando e morrer
Perto de seus olhos
A gente aprende a morrer só
Meu povo, meu povo
Pela cidade a viver só
Meu povo, meu povo
Pela cidade a viver só

Correct these lyrics

Watch Milton Nascimento Os Povos video
Hottest Lyrics with Videos
a1822f5a49d9197ec22080cbbe42db76

check amazon for Os Povos mp3 download
these lyrics are submitted by musixmatch2

Record Label(s): 1976 UMG Recordings, Inc
Official lyrics by

Rate Os Povos by Milton Nascimento (current rating: N/A)
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Meaning to "Os Povos" song lyrics no entries yet
required
capthca required

Characters count
: min. 50 characters