MARIZA


Loucura Lyrics

Sou do fado
Como sei
Vivo um poema cantado
De um fado que eu inventei

A falar
Não posso dar-me
Mas ponho a alma a cantar
E as almas sabem escutar-me

Chorai, chorai
Poetas do meu país
Troncos da mesma raíz
Da vida que nos juntou

E se vocês
não estivessem a meu lado
Então não havia fado
Nem fadistas como eu sou

Esta voz
tão dolorida
É culpa de todos vós
Poetas da minha vida

É loucura,
ouço dizer
Mas bendita esta loucura
de cantar e de sofrer

Chorai, chorai
Poetas do meu país
Troncos da mesma raíz
Da vida que nos juntou

E se vocês
não estivessem a meu lado
Então não havia fado
Nem fadistas como eu sou

Correct these lyrics

Watch Mariza Loucura video
Hottest Lyrics with Videos
2ab0ba580cbf07c2a4e8045afec40375

check amazon for Loucura mp3 download
these lyrics are submitted by musixmatch3

Songwriter(s): Joaquim Frederico de Brito, Julio Sousa
Publisher(s): S.p.a.(Sociedade Portuguesa De Autores)
Record Label(s): 2001 World Connection
Official lyrics by

Rate Loucura by Mariza (current rating: N/A)
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Meaning to "Loucura" song lyrics no entries yet
required
capthca required

Characters count
: min. 50 characters