RAIMUNDOS


Rapante Lyrics

(Raimundos)
Arrocho o jegue parto pra merma rotina
já são quatro da matina e eu tenho que me virar
Comendo a pedra eu desenvolvi a proteína
que nenhuma cocaína dá a força que ela dá
Lá onde eu moro é onde ninguém fica à toa
o rabo arranca e o peido avoa ninguém para de cagá
Menina linda na parada de baú
se pego meio tocada acho que vou te torar ôôôuuu
A tal da pedra me faz virar noite e dia
vou a pé até a Bahia e não páro pra descansar
E não ofende o aparelho digestivo
é só um dispositivo que eu tenho pra falar
Sem ela eu não falo
Sem ela eu não me calo
Menina de Brasília ou de qualquer lugar
ouça o que o paraíba filha da puta aqui tem pra dizer
Menina ô
Parada de baú

Correct these lyrics



Watch Raimundos Rapante video

check amazon for Rapante mp3 download

Songwriter(s): Frederico Castro, Rodolfo Abrantes, Jose Pereira, Rodrigo Campos
Publisher(s): Warner/Chappell Edicoes Musicais Ltda
Record Label(s): 2011 ST2 Records
Official lyrics by

Rate Rapante by Raimundos (current rating: N/A)
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Meaning to "Rapante" song lyrics no entries yet
required
capthca required

Characters count
: min. 50 characters