Veloso Caetano - A Terceira Margem Do Rio
Related Veloso Caetano Links Veloso Caetano

VELOSO CAETANO


A Terceira Margem Do Rio Lyrics

Oco de pau que diz:
Eu sou madeira, beira
Boa, dá vau, tristriz
Risca certeira
Meio a meio o rio ri
Silencioso sério
Nosso pai não diz, diz:
Risca terceira
Água da palavra
Água calada pura
Água da palavra
Água de rosa dura
Proa da palavra
Duro silêncio, nosso pai
Margem da palavra
Entre as escuras duas
Margens da palavra
Clareira, luz madura
Rosa da palavra
Puro silêncio, nosso pai
Meio a meio o rio ri
Por entre as árvores da vida
O rio riu, ri
Por sob a risca da canoa
O rio viu, vi
O que niguém jamais olvida
Ouvi ouvi ouvi
A voz das águas
Asa da palavra
Asa parada agora
Casa da palavra
Onde o silêncio mora
Brasa da palavra
A hora clara, nosso pai
Hora da palavra
Quando não se diz nada
Fora da palavra
Quando mais dentro aflora
Tora da palavra
Rio, pau enorme, nosso pai

Songwriter(s): Caetano Emmanuel Viana Teles Veloso, Milton Nascimento, Milton Silva Campos Do Nascimento, Cartano Veloso
Copyright: Terra Enterprises Inc., Nascimento Edicoes Musicais Ltda, Uns Producoes Artisticas Ltda
Official lyrics powered by

Rate this song (current rating: not rated yet)
12345678910
Meaning to "A Terceira Margem Do Rio" no entries yet
(*) required
(*) required

Characters count : (*) min. 100 characters required